Aldeia Kokraimoro – a beira do Rio Xingu

Fev 2007
Aldeia Kokraimoro
IA 34 (1)

Estou novamente a beira do rio Xingu, na aldeia Kokraimoro, onde me banho neste rio mítico. Ele pode não ter a fama do Amazonas, a importância do Velho Chico, mas o Xingu é o Xingu. Nos faz pensar em quarup, em primórdios do indigenismo, em um território selvagem que hoje já foi completamente civilizado, mas também em uma explosão de natureza. É ótima a proximidade do rio, mas… rio atrai mosquito, e os daqui, embora não sejam muitos, são mais próximos a gaviões do que ao mal afamado mosquito da dengue. Estou até com medo de um me seqüestrar … Apesar disso, pior do que os mosquitos são os piuns. Os mosquitos são inimigos visíveis e conhecidos.
Se você não sabe o que é pium… Os piuns parecem fantasmas, pois quase não os vemos, mas atacam o dia todo… o que nos obriga a usar roupa comprida e meia com todo calor que faz. Eles podem ser um pouco maior que este ponto “.” ou um pouco menor do que este “o”. Não fazem barulho, não zumbem. Chegam discretamente e pousam tão suavemente que você só percebe sua presença por uma sensação de queimadura ou ardência associada a vermelhidão, que nos alérgicos vira logo um “calombo”. Das experiências amazônicas, esta é a que eu mais contra-indico.
Esta aldeia ficou famosa, por aparecer na Globo porque os índios não estavam sendo atendidos pela FUNASA. Eles eram atendidos por outro Distrito indígena e agora passaram para o nosso. Há mais de seis meses não tinham atendimento médico, mas mesmo assim é uma aldeia bem de saúde. Talvez porque é a primeira aldeia que visito onde todo mundo trabalha. Tem pesca, muita roça, torram farinha, caçam, diferente de outras aldeias onde os índios ficam esperando o dinheiro cair do céu. Aqui as crianças são gordinhas (não vi um único desnutrido) e realmente fiquei feliz.
IA 34 IA 34 (3)
Crianças brincando no Xingu, e tec enfermagem lavando a louça.
IA 34 (2)
Pelo cartaz dá para saber quem manda… risos…

2 comentários Adicione o seu

  1. Joelcio Silva disse:

    Interessante essas suas viagem
    melhor e as histórias q o Sr. conta,parabéns
    pela sua iniciantiva…

  2. Leda Cavalcante disse:

    adorei a história, principalmente na parte em que um mosquito pode sequestrá-lo, rsrsrsrs…
    ah e eu conheço também os piuns como PIVÁRIOS, pois dificilmente apenas um te ataca rsrsrs.

    grande trabalho, parabéns!!!

Deixe uma resposta para Joelcio Silva Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s