Primeiras Impressões Boavistenses…

A capital é bem planejada, daquelas que a gente aprende a andar rapidamente. É uma cidade de oportunidades, em crescimento e com futuro previsível, diferente de Palmas, já pronta para um futuro que não sei se vai chegar algum dia. Boa Vista já parece acabada: ruas arborizadas, com a presença constante da natureza (papagaios passaram voando outro dia no bairro onde moro) se alternam com prédios e grandes construções. Comércio no centro, sossego nos bairros, ruas asfaltadas, presença de órgãos federais, estaduais e municipais em um só lugar.

Apesar disso, o deslocamento não é fácil sem carro, especialmente para quem vem da periferia. Não há praticamente ônibus, a opção são as lotações, que na verdade são táxis que circulam do centro para os bairros. A regra é simples: de bairro para centro (nada de van) ou de centro para bairro, 2 reais. Se vai de um bairro para o outro, passando pelo centro, 4 reais. Melhor do que os 3 reais do mototaxi de Redenção, que rodava bem menos e ainda era perigoso.

O transito é bom, por avenidas largas e ruas com poucos carros. No final de cada cruzamento há as “bolas”. Este é o nome pelo qual se conhecem aqui e em Manaus as rotatórias, rotundas ou rótulas, conhecidas em Palmas pelo simpático nome de “queijinho”.

 

IMG_4971 IMG_4972

Não me perguntem que não sei explicar… mas na minha rua tem este Concorde estacionado no teto de uma casa. E uma casa bem diferente… está lá… o concorde, as placas, o portão…

2 comentários Adicione o seu

  1. Iúna disse:

    Essa história, do concord, eu conheço, rs rs rs. Mas seria bom vc perguntar de minhas amiguinhas e meus amiguinhos aí, vai ser uma boa desculpa pra vcs se socializarem. Como se vcs não fossem pessoas sociáveis.
    Gostei de BV, principalmente do viaduto, Cris se zanga qdo falo do viaduto daí, melhor pegar leve. Falando sério, as árvores cortadas em formato de animais, estrelas e outras figuras me encantaram.

  2. cris disse:

    é, essa história do concord é interessante, mas o dono da casa não está mais na cidade, ou pelo menos há alguns anos a havia deixado. é uma boa forma de chamar a atenção. prefiro não comentar………

    moro em boa vista há 13 anos, pelo menos desde que parei de contar, e é o isolamento uma das maiores queixas dos que moram aqui. há muita dificuldade pra sairmos pra outros centros, em função dos preços elevados das passagens aéreas, cuja rota está sempre longe das tarifas promocionais e da dificuldade de locomoção pela BR 174, que liga o Estado a Manaus, que está sempre em péssimo estado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s