Criança que brinca com fogo… Cuidados com seu curumim

O sol se pôs e a noite já chega. Criança sem ter o que fazer, inventa. Sem pais por perto então, melhor. E lá se vai fogo no mato. Eram cerca de seis crianças, a mais velha por volta de uns sete anos, algumas peladas, e as chamas maiores do que elas. Como se fosse a coisa mais normal do mundo. E a gente fica com medo quando o filho da gente está no trepa-trepa do parquinho…

1 comentário Adicione o seu

  1. Denise Guerra disse:

    Oi Altamiro, me parece que os perigos nas aldeias são bem mais agudos e reais. Dizem que as crianças Deus protege se não não chegariam a fase adulta. Viajo para Mato grosso do sul agora no feriado de 21/04 p/ conhecer e trabalhar com os nambiquaras. Bom trabalho aí! Saudades de vc! Bjs!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s