Comendo no Ashran

As refeições no ashran são feitas em três restaurantes: há uma cantina indiana, mais barata, sempre lotada e com cozinha apimentada; outra com culinária do norte da Índia, que dizem ser “só pimenta”, e uma ocidental, com cardápio internacional. Os cozinheiros são voluntários de todos os países. Há quiosques onde tomo sorvete, caldo de cana, água de coco, suco de lixia, maçã e uva. Tem também iogurte e lassi, um tipo de iogurte misturado com suco. Além de gostoso é colorido: já tomei amarelo, rosado, creme – e nunca descobri o sabor original. Para os que preferem cozinhar há padaria, horti-fruti e mercado. Carne não há em nenhum momento e em nenhum lugar. Em todos os lugares até as filas dos caixas são separadas por sexo. No mercado nem o horário é igual: homens compram a tarde e mulheres pela manhã.

DSC00084 Banca de coco.

DSC00069 Restaurante no ashran.

 


OBS: Este post faz parte do texto integral das Impressões Indianas 68

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s