De cara gostei de Aramanaí

Uau! De cara gostei de Aramanaí. Cabanas de dois andares se acomodam suaves diante do rio que molha nossos pés enquanto petiscamos no andar de baixo. O andar de cima nos protege do sol e é ocupado pelos que querem pagar uma pequena taxa que garante mais sombra, uma linda vista e um pouco de…

Impressões de Pindobal

Pindobal é uma praia básica. Uma faixa de areia com barraquinhas que se espalham diante do rio, ondas suaves e sol generoso. Para quem está acostumado, faltam os recortes, coqueiros e recifes do mar. Isto não tira o mérito e a diversão é garantida, até chegar um barco enorme com caixas de som maiores ainda,…

Conhecendo Belterra

Belterra já foi uma cidade rica, repleta de americanos que moravam em grandes casas de madeira e possuíam hospital e salões de baile importados de sua terra natal. Tudo isso na época que a borracha brasileira era exportada a preço de ouro para todo mundo. Hoje a maior riqueza do município são suas praias e…

Destino: Ponta de Pedras

Hoje o destino é Ponta de Pedras. São cerca de 12 km sacolejando na estrada de lama, digo, de terra. Não é necessário um 4×4, mas um carro pequeno vai sofrer por aqui. Quando chegamos… Onde estão as pedras que deram nome à praia? Não encontramos e resolvemos rodar um pouco mais… Nada…. Resolvemos voltar…

Carnaval do Mela-mela em Alter

Fora da praia todos se preparam para o Carnaval, que em Alter é comemorado com o “mela-mela”. Por todo lado foliões de todas as idades andam com caixas de maisena que se tornam armas de batalhas encarniçadas e deixam todos com cabelos tão grisalhos quanto os meus. É divertido e, quando menos imagina, há gente…

Alter do Chão… Beleza submersa

Em cada dia aqui, uma praia no roteiro, dentre as muitas que se espalham pelas margens do rio Tapajós, por muitos considerado o mais bonito da Amazônia. Infelizmente as chuvas e as cheias deixaram suas águas meio barrentas e encolheram as praias. Aqui na Amazônia é assim… certas épocas algumas praias literalmente somem, escondidas debaixo…

Mais da culinária de Santarém

Viemos aqui para comer ou para ir as praias? Até tenho dúvidas, pois a culinária paraense é uma surpresa atrás da outra… Para a sobremesa nos perdemos entre biscotinhos beijo-de-moça de maracujá, doce de cupuaçu, castanhas caramelizadas… Difícil sobreviver e não engordar aqui. Especialmente quando descobrimos por indicação de amigos – os locais sempre sabem…

Impressões da culinária paraense

Para os que não conhecem a deliciosa comida paraense, maniçoba é o prato mais desafiante da culinária brasileira, pelo seu aspecto e história. Até para os apreciadores, como eu, a maniçoba não é uma refeição nada bonita, um misto de lama com terra preta, daquelas onde esperamos encontrar caranguejos, ou seja, uma refeição com cara…

Impressões de Santarém–primeira parte

Chegamos em Santarém a noite, e o estômago já dá sinais de vida. A solução foi virmos direto a orla, onde encontramos o Massabor, pizzaria que se espalha em um píer por sobre as águas calmas e verdes do rio Tapajós e que também oferece pratos regionais. Como já estamos habituados com pizza, preferimos os…

Pedalada inspiradora–Louise Sutherland

Ela era a mais velha de cinco irmãs na Nova Zelândia. Na idade de 19, tendo crescido com a bicicleta como principal meio de transporte, ela se mudou para Hospital Oamaru para cursar quatro anos de formação em enfermagem. Para visitar seus pais em Dunedin,ela pedalava durante 7 horas, percorrendo 100 km; este foi o…