Destino: Ponta de Pedras

Hoje o destino é Ponta de Pedras. São cerca de 12 km sacolejando na estrada de lama, digo, de terra. Não é necessário um 4×4, mas um carro pequeno vai sofrer por aqui. Quando chegamos… Onde estão as pedras que deram nome à praia? Não encontramos e resolvemos rodar um pouco mais… Nada…. Resolvemos voltar…

Carnaval do Mela-mela em Alter

Fora da praia todos se preparam para o Carnaval, que em Alter é comemorado com o “mela-mela”. Por todo lado foliões de todas as idades andam com caixas de maisena que se tornam armas de batalhas encarniçadas e deixam todos com cabelos tão grisalhos quanto os meus. É divertido e, quando menos imagina, há gente…

Alter do Chão… Beleza submersa

Em cada dia aqui, uma praia no roteiro, dentre as muitas que se espalham pelas margens do rio Tapajós, por muitos considerado o mais bonito da Amazônia. Infelizmente as chuvas e as cheias deixaram suas águas meio barrentas e encolheram as praias. Aqui na Amazônia é assim… certas épocas algumas praias literalmente somem, escondidas debaixo…

Mais da culinária de Santarém

Viemos aqui para comer ou para ir as praias? Até tenho dúvidas, pois a culinária paraense é uma surpresa atrás da outra… Para a sobremesa nos perdemos entre biscotinhos beijo-de-moça de maracujá, doce de cupuaçu, castanhas caramelizadas… Difícil sobreviver e não engordar aqui. Especialmente quando descobrimos por indicação de amigos – os locais sempre sabem…

Que venha 2018

2018 está aí! Aproveite a oportunidade e prepare-se para renovar corpo, alma e mente. 2018 merece mais saúde. Cuide do corpo com exercício, boa alimentação, sono adequado, menos trabalho e mais diversão. Difícil, né? Mas para começar tem que querer. Uma coisa de cada vez, mas com determinação. Renove a mente e busque novos desafios….

Impressões da culinária paraense

Para os que não conhecem a deliciosa comida paraense, maniçoba é o prato mais desafiante da culinária brasileira, pelo seu aspecto e história. Até para os apreciadores, como eu, a maniçoba não é uma refeição nada bonita, um misto de lama com terra preta, daquelas onde esperamos encontrar caranguejos, ou seja, uma refeição com cara…

Impressões de Santarém–primeira parte

Chegamos em Santarém a noite, e o estômago já dá sinais de vida. A solução foi virmos direto a orla, onde encontramos o Massabor, pizzaria que se espalha em um píer por sobre as águas calmas e verdes do rio Tapajós e que também oferece pratos regionais. Como já estamos habituados com pizza, preferimos os…

O mundo visto de cima

Tudo bem, o título não é novo, nem mesmo a ideia… Mas eu AMO fotos aéreas, pois juntam o que eu gosto… voar (que é sinônimo de viajar), lindas paisagens e a perspectiva de ver o mundo sob outra ótica. Seguem então algumas fotinhos que fiz recentemente… Porque o Rio continua lindo… Ponte Rio Niterói……

Cuidado com as piranhas

Em Recife devemos tomar cuidado com os tubarões. Em Boa Vista, neste verão o cuidado era mesmo com as piranhas. As placas estavam lá, alertando o público. Mesmo assim ninguém parecia estar com medo. Acho que hoje em dia ninguém mais tem medo de piranha!

O Rio tem destas coisas…

O Rio tem coisas que mais nenhuma cidade tem…. No início de dezembro estava andando entre a Praça XV e o Aeroporto Santos Dummont, meio triste, já repleto da saudade de despedida, quando de repente me deparo com esta alegria, esta animação, esta vida e estes sorrisos temperados por música muito animada. O que fazer…