Noite na aldeia. Hora de desintoxicar da cidade

Aqui não existe telefone. Estradas são os rios e o céu. Energia, só a noite, de gerador, que ilumina o estudo dos alunos de ensino médio. Estamos isolados do mundo, mas uma parabólica solitária aproveita a luz da escola e nos traz cenas do resto do mundo: novelas, noticiário, futebol. Fujo disso tudo. Quero o…

Radiofonia: o louco sistema de comunicações entre as aldeias

Constantino é Placa. Pedra Branca é São Francisco. Funasa é Truaru. Funasa é Truaru. Placa, é Constantino na escuta. Funasa é Truaru. Constantino, aqui é o enfermeiro de Placa. Queria que fizesse uma ponte com a Funasa para saber da remoção da gestante. Barro é Lago Verde. Fala Barro. Queria a confirmação da vinda do…

Noite na barraca

Noite na barraca. O vento soprando assobia e embala meus pensamentos. Me vem a mente o trecho de uma música do meu irmão Rogers "a noite vem e me faz pensar, o que me trouxe aqui. Sair em busca de um ideal e assim eu sou feliz, porque eu vivo a vida que eu quis…"…

Acampamento de Beira-rio

Aldeia Kikretum Tem algumas coisas que não tem preço. Início de tarde na aldeia Kikretum e lá vou eu de voadeira em direção a duas aldeias a beira do Rio Fresco, onde os indígenas plantam suas roças e aguardam a temporada de castanha. Nas duas comunidades, Urubu e Arara eu fui fazer consultas e avaliação…

Vida de médico na aldeia

As pessoas sempre me perguntam sobre como é minha rotina nas aldeias. Vou tentar explicar um pouco, lembrando sempre que as diferenças são muitas entre uma etnia e outro, entre um Distrito Indígena e outro. Embora eu trabalhe com índios que preservam bem sua cultura, são índios que também tem bom contato e aceitação da…