O caxiri da Barbie

Brinco que o Guaraná Jesus, o guaraná cor-de-rosa dos maranhenses é o Guaraná da Barbie. Então o que será este caxiri de batata-doce? Com certeza o “caxiri da Barbie”. Diretamente da Serra do Sol para as Impressões Amazônicas

Vai caxiri aí?

19:30h Somos chamados para o malocão, onde somos “apresentados” a comunidade. Foi rápido, pois após o culto todos estão ansiosos pelo caxiri e pelo piseiro. As cuias passam de mão em mão e experimento uma com o tradicional gosto ácido e amargoso. O caxiri está cremoso, mas não é tão forte, e as crianças também…

Antes da festa, o culto…

A aldeia está animada. Parentes chegam de diversas comunidades. Cada grupo estica suas redes e as crianças correm de um lado para o outro. Agora são seis da tarde e testemunho o que pode ser um preparatório para o Guiness – Livro dos Recordes. Há quase duas horas já se iniciou um culto no malocão…

Inventividade Indígena: Ralador movido a bicicleta

Uma coisa que sempre me surpreende é a criatividade dos indígenas. Uma das tarefas mais difíceis na aldeia é ralar mandioca. Na verdade não que seja tão difícil assim… até crianças conseguem. O problema é que é um trabalho duro, sacrificado. Em alguns locais o pessoal usa raladores movidos a motor, cujo único problema é…

Vida boa… Vida maravilhosa!

No final da tarde um morador aparece com linha e anzol, o que logo vira diversão. Acendo um foguinho enquanto o pessoal se reveza com a isca e logo temos peixe assado. Nada grande em tamanho, mas peixe fresco a beira do rio e com a lua enorme que está fazendo… Vida boa!! Para finalizar…

Tomando pajuaru em Santa Maria

Noite. Estamos jantando quando o tuchaua vem nos convidar para o piseiro. O problema é que o forró vai acontecer exatamente atrás de nossas redes e barracas, assim não há como dizer não. Mesmo sem dançar não há como dormir ou conversar, então o jeito é ir pelo menos assistir. E se divertir. A cuia…

Tubérculos para caxiri

Dependendo do vegetal utilizado, o caxiri adquire diferentes cores e consistências. Para mim o mais bonito é o cor de rosa, feito com esta raiz compridinha abaixo, que é bem escura. Aquela cor-de-rosa da segunda foto segundo eles ao virar caxiri fica clara e não dá cor. O resultado final desta raíz comprida é aquela…

O “ciclo do caxiri”

Aproveito para registrar o “ciclo” do caxiri. Os diferentes tubérculos, a prensa (tipiti), o cozimento e até o consumo. Não tive como declinar o caxiri com beiju oferecido pela filha de Dona Catarina. A mandioca-macaxeira-aipim é um fruto abençoado da terra e que sustenta muita gente, mas tem outra grande qualidade: e danado de fotogenico,…

Na Maloca Ingaricó

Já fomos a 3 malocas e as crianças já foram pesadas e estão bem. As rocas se espalham ao longo do rio e a terra parece tão fértil quanto as mães. Haja curumim por aqui. Entro em mais uma maloca. As moradias ingaricó sao bonitas. Estrutura de madeira coberta de barro. Teto de palha. Janelas…

Dançando Parichara

Barriga cheia a festa recomeça com a dança tradicional parichara. Os dançarinos não se cansam. Dançam em círculo, comandados por um ancião. Para animar os espíritos – mostrando que o tuchaua terá muito trabalho em seu programa de redução do álcool – um jovem passa a cuia de caxiri entre os mais velhos. No centro…