O Canaimé assombra o lavrado

O canaimé assombra o lavrado. Se esconde atrás das moitas de caimbé, atravessa da Guyana mítica, onde o vizinho é o estranho e diferente – por isso ameaçador. Invade cada comunidade, e se marca alguém, que este se prepare. Chame pajés, peça a benção do padre, se concilie com a morte, que provavelmente não será…

A fé e a Lua

Fico imaginando a força da fé. O exemplo vivo de desprendimento que vem do Cristo e que se repete nos padres, vindos da África, de tão longe em busca de sua missão de vida. Paro para pensar qual é a minha missão e porque eu também estou no lavrado. Porque cada um de nós está…

Missa no lavrado, com sotaque africano

O malocão está cheio, e dois padres dirigem a cerimônia. O sotaque e a cor da pele, escura como a noite sem estrelas, deixam claro que não são do lavrado. Descubro que um é de Moçambique e outro de Uganda – pouco mais do que “lugares-distantes-de-onde-nunca-ouvi-falar” para a maior parte dos assistentes. A missa é…