Espiral de pedra…

Deito minha cabeça no centro do espiral, cavado há séculos de distância de mim. O rio canta, acompanhado do vento. De olhos fechados me transporto no tempo e sou eu raspando a pedra… raspando… raspando… Já não sei se o homem dominou a pedra, mas eu me sinto dominado, inquieto, em busca de um significado…

Escultores Pré-históricos

A pedra é dura, mas pacientemente a mão vence a rocha, buscando trazer forma para o que a mente pensa e quer dizer. A firmeza é vencida com delicadeza por círculos, peixes, losangos, uma espiral. As margens do riacho, que escorre indolente na proximidade da atual aldeia Flexal, se transformaram em caderno de escrita pré-histórica….

Feijão verde. Está servido?

Da última vez que estive na aldeia Flexal voltei com fotos da Damurida, o caldo de pimenta com frango. Desta vez consegui fotos do feijão verde, gostoso no prato e bonito na toto.    

Mulher sofre… e trabalha

Não é a toa que atendo tanta mulher reclamando de dor nas costas na aldeia. Você aguentaria um peso destes? E ainda falando oba!!! Fotos da Aldeia Flexal

As crianças que tomam conta de si mesmas

Meus anfitriões logo após o banho de cachoeira. E vejam a queda lá em cima… Quando vamos embora pergunto quem vai tomar conta deles. A irmã responde: – O Ronado toma conta dos menores – Ronaldo tem doze anos. Ela se dirige para ele: – E lembra de colocar a carne no fogo porque senão…

Emergência na Aldeia Flexal

Aldeia Flexal – Aqui começa esta história. – Doutor, acabaram de me avisar que uma gestante perdeu o bebê de madrugada, na comunidade Santa Luzia. São quase onze da manhã, mas não podemos perder tempo, temos que ver como está esta mãe. Embora eu seja pediatra, em área indígena a gente tem que se virar,…

Aldeia Conectada

Algumas das aldeias em que atendo não tem telefone, mas tem internet. Sim, isso mesmo. Graças ao Ministério da Educação, as escolas que tem ensino médio estão conectadas na rede. Infelizmente o interesse ainda não é tão grande pela internet. A progamação mais cotada é o futebol e, onde há parabólica, as boas e velhas…

Prova de fogo: comendo damurida na aldeia"!

São sete e meia, Genésio, adventista, ora e agradece a Deus pela comida de cada dia. Daniel, dentista carioca, capitão reformado é o primeiro a se aventurar, digo, provar, mergulhando um pedaço da tapioca no caldo. – Até que não arde tanto. – Exclama aliviado. Genésio dá a dica. – Molha da gordura do caldo….

Pimenta no café da manhã!

– Doutor, vamos comer uma damurida amanhã? – Comer, eu não sei se vou. Mas fotografar eu quero! – Então vamos lá! Pra chegar ás sete! – Sete da noite, Genésio? – Não, Doutor! Sete da manhã! Genésio é o Agente Indígena de Saúde. Damurida é o prato principal da cultura Macuxi. Caldo de pimenta…

Supermercado na Aldeia

A aldeia Flexal já tinha um restaurante. Agora, cresceu e já tem até supermercado. (esta foto foi das IA 57, e foi da minha primeira viagem aérea as aldeias de Roraima)