Natureza engarrafada…

Encontrei esta garrafa em Tepequém. É velha, talvez ainda do tempo do garimpo. Por uma feliz coincidência de umidade, calor e luz, a samambaia cresceu dentro da garrafa. Assim como o arco-íris mais uma manifestação Divina. A vida se inventa e se reinventa, não é mesmo? E se descobre mesmo “engarrafada”…

Arco-Íris de despedida

A noite, estrelada é convidativa para uma caminhada, mas o cansaço é grande, pois passamos o dia andando, de cachoeira em cachoeira. São muitas, sendo a mais bonita localizada em um vale, a margem de um grande despenhadeiro. Lá do alto pode-se ver a cachoeira descendo montanha abaixo, rumo a mata. Aliás, embora estejamos em…

Comendo Apolo de frente para o tepui do Tepequem

A vila já tem algumas pousadas. Nenhuma parecendo ter saído das revistas de viagem que enchem os jornaleiros. São lugares rústicos, com água quente para contrabalançar as noites frescas , ventilador, cama e armador de rede. Energia só até meia-noite, de um gerador a diesel. Escolhemos a nossa pela localização, afinal não é sempre que…

Sonhando em bamburrar na Vila do Cabo Sobral

No alto de Tepequém encontramos alguns barbudos com cara de que vivem em outro mundo. Diferente do que acontece em outros lugares isolados e com muita natureza, não são hippies, mas sim velhos garimpeiros, que insistem na busca do diamante que irá trazer a fortuna, ou, como é conhecido no meio, irá fazê-los bamburrar. E…

TEPEQUEM – Com certeza você ainda não ouviu falar deste paraíso.

  É assim… cada estado tem o seu paraíso. Normalmente uma pequena vila isolada, conhecida apenas por iniciados, muitas vezes por hippies ou esótericos, que deixam o lugar com uma mística ainda maior, antes de se tornarem famosas e serem invadidas por hordas de turistas. No Rio havia Lumiar e hoje há Sana. Para os…